Frevo nº 1 do Recife
Compositor: Antonio Maria
Cantores: Banda de Pau e Corda


Ô ô ô ô
Saudade... saudade tão grande...
Saudade que eu sinto
Do clube das "Pás" do "Vassouras"
Passistas traçando "tesouras" nas ruas repletas de lá...

Batidas de bombo são Maracatus retardados
Chegam da cidade cansados
Com seus estandartes no ar

Não adianta se o Recife está longe
E a saudade é tão grande
Que eu até me embaraço...

Parece que eu vejo
Walfrido Cebola no passo
Haroldo Fatia, Colaço,
Recife está perto de mim... (bis)

Recife mandou me chamar
Capiba e Zumba à essa hora onde é que estão?
Inês e Rosa em que reinado reinarão?
Acenso me mande um cartão...

Rua antiga da Harmonia,
Da Amizade, da Saudade e da União...
São lembranças noite e dia...
Nelson Ferreira toque aquela introdução...